quinta-feira, março 27, 2008

...

De uma forma simplificada, recorrendo a juízos de valor... Este querer fazer o bem, este dar da outra face, parece-me, por vezes, uma arma poderosa ao serviço daqueles que escolhem fazer o mal. Porque esta minha construção ética, é, precisamente, aquilo que me impede de responder na mesma moeda. Por vezes, tenho dúvidas se é assim que deve ser...

"Widespread intellectual and moral docility may be convenient for leaders in the short term, but it is suicidal for nations in the long term. One of the criteria for national leadership should therefore be a talent for understanding, encouraging, and making constructive use of vigorous criticism." (Carl Sagan)

[Aguardo a oportunidade de ouvir Third, o novo de Portishead, uma das bandas da minha vida...]

4 comentários:

boneca disse...

mas afinal onde e quando tocam os Portished em Lisboa?...

Ana Oliveira disse...

O meu inimigo disse-me:
"Ama o teu inimigo."


E eu obedeci-lhe e amei-me.


Sou viajante e navegador,
todos os dias descubro
nova região na minha alma.


Ainda ontem me considerava
um fragmento a vacilar sem ritmo
na esfera da vida.


Hoje sei que sou esfera,
e toda a vida, em fragmentos rítmicos,
se move dentro de mim.


O amor só é colhido
após dolorosa ausência,
dura perseverança,
negro desespero.


Só o amor e a morte
mudam todas as coisas.


A realidade da outra pessoa
não está no que ela te revela,
mas no que não te pode revelar.


Portanto, se quiseres entendê-la,
não oiças o que ela diz,
mas antes o que não diz.


A justiça que conhecemos na Terra
entristeceria os espíritos, pelo mau uso da palavra,
e faria rir os mortos, se a presenciassem,
pelo que consideramos certo neste mundo.


Roubar uma flor é transgressão,
mas tomar um campo é bravura;
quem mata o corpo merece morrer,
mas quem mata o espírito vai em liberdade.


Quando chegares ao coração da vida,
não te acharás melhor do que o criminoso
nem pior do que o profeta.

Kahlil Gibran

Filipe Feio disse...

:)

unknown disse...

eu já o tenho e aconselho vivamente... tá mesmo ao estilo de portishead...